Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida Extra

Aventuras e desventuras no universo dos videojogos.

Vida Extra

Aventuras e desventuras no universo dos videojogos.

Ir ao cinema ver videojogos

Ir ao cinema já não é o que era. As salas já não passam apenas filmes, agora também passam videojogos.

 

E não estou a falar de filmes baseados em jogos, como WarcraftAssassin's Creed (para referir só dois que estiveram recentemente nas notícias). Não. Estou a falar mesmo em ir ao cinema ver videojogos.

 

Overwatch - cartaz

 

O conceito não é propriamente inédito mas parece estar a ganhar tração. Começou com as projeções em grande ecrã das finais dos principais campeonatos de desportos eletrónicos, a nível internacional, mas está a expandir-se. E nos próximos dias vamos ter dois destes eventos em Portugal.

 

A final da Liga PlayStation

 

Já no próximo sábado, dia 21, vai jogar-se a final da Liga NOS PlayStation. É um campeonato nacional do jogo FIFA 16 que decorreu ao longo de 18 fins de semana. A final será jogada e mostrada em todo o seu esplendor no ecrã da sala IMAX dos Cinemas do Centro Comercial Colombo, em Lisboa, com direito ao relato do conhecido comentador desportivo Hélder Conduto.

 

O evento decorre entre as 9:30 e as 14:00 horas e a entrada é livre, limitada aos lugares disponíveis.

 

O lançamento de Overwatch

 

O segundo evento de videojogos no cinema é o lançamento do novo jogo da Blizzard (criadores dos aclamados Warcraft e Diablo). O novo jogo chama-se Overwatch e sai oficialmente na terça-feira, dia 24.

 

Mas na véspera, dia 23, às 19:00 horas, os cinemas Dolce Vita Tejo (na Amadora) e Arrábida 20 (em Gaia) recebem uma sessão especial com a projeção das várias curtas-metragens de animação criadas para o jogo. Este visionamento é complementado com um painel exclusivo sobre o desenvolvimento do Overwatch e histórias de bastidores.

 

E se umas "animações" feitas para um jogo podem parecer coisa pouca, lembro-vos que a Blizzard é tão famosa pela espetacularidade cinemática dos seus vídeos quanto pela qualidade dos seus jogos. São criações que merecem o "grande ecrã".

 

Os bilhetes já estão à venda. Vejam o trailer:

 

 

E venham daí mais videojogos no cinema!

publicado às 18:12

O fenómeno Warcraft explicado ao som de Wu-Tang Clan

Warcraft! Não é apenas mais um filme de Hollywood que vai estrear em junho. O filme é baseado em todo um universo de fantasia criado pela Blizzard (bastante inspirado na obra de Tolkien) para o seu jogo de estratégia para PC. E esse universo acabou por se expandir e gerar vários novos jogos, sendo que o maior e mais popular é o World of Warcraft: um jogo que reune online milhões de pessoas que podem entrar em aventuras em conjunto ou lutar contra outros jogadores.

 

Apesar de já ter vários anos de idade, o World of Warcraft ainda tem um número de jogadores na ordem dos milhões. Na sua época de maior sucesso esse número ultrapassava a população de Portugal: eram mais de 12 milhões. E não é um jogo gratuito, como é agora moda. Cada um dos jogadores de World of Warcraft paga uma mensalidade para jogar. Ou seja, são pessoas que gostam mesmo do jogo.

 

World of Warcraft é, portanto, um fenómeno cultural. E muito se poderia escrever sobre o tema. Mas há outras formas de dar a conhecer as coisas e foi o que pensou o rapper norte-americano Phill Harmonix.

 

Poster de Wu-Craft

 

Harmonix criou uma mixtape inspirada na música dos Wu-Tang Clan, com letras da sua autoria, em que explica o jogo e narra alguns episódios famosos da sua história.

 

O projeto chama-se Wu-Craft e pode ser escutado gratuitamente e na íntegra no site www.wucraft.com.

 

Tudo na vida fica melhor ao som de Wu-Tang Clan. World of Warcraft não é exceção. O resultado é mesmo muito bom!

publicado às 14:30

Fátima, sexta-feira 13 e demónios à solta

13 de maio. Milhares de portugueses celebram o aniversário das aparições de Nossa Senhora de Fátima. Curiosamente, este ano, por todo o mundo, outros milhares celebram o lançamento de um novo jogo da série Doom.

 

E curioso porquê? Porque o imaginário de Doom gira em torno de uma invasão de demónios do Inferno ao nosso mundo. É o divino e o demónico no mesmo dia. E para completar uma trindade, ainda calhou numa sexta-feira 13. Divino, demónico e pagão no mesmo dia.

 

Mas não são só os demónios que têm direito a videojogo. Fátima também tem direito a um jogo.

 

 

Em março passado foi lançado o Jogo dos Pastorinhos, que só peca (passe a expressão) pela extrema simplicidade. É basicamente uma versão digital do Jogo da Glória. Mas de resto até está um jogo bem feito. E feito em Portugal!

publicado às 14:12

Águeda no novo trailer do jogo oficial de Motocross

Numa altura em que o campeonato nacional de futebol está na sua fase decisiva, com Benfica e Sporting a decidir o título na última jornada, vamos falar um pouco sobre... o Ginásio Clube de Águeda.

 

Águeda e Bastogne no jogo MXGP2

 

Isto porque acaba de sair um pacote de conteúdos adicionais para o jogo oficial de motocross: MXGP2. E um dos novos conteúdos disponíveis é a pista de motocross do clube nacional, que podem ver no trailer abaixo:

 

 

E era mesmo só isso. Quando Portugal aparece num videojogo para mim é sempre digno de nota.

 

Para saberem mais sobre o jogo MXGP2 visitem a página oficial.

publicado às 18:57

O golfe tem muito mais piada jogado dentro de casa

Se acham que o golfe é um desporto chato, com muito passeio e pouca ação, então preparem-se para conhecer Dangerous Golf.

 

Dangerous Golf - logo

 

Dangerous Golf é jogado dentro de casa. Ou então noutros locais fechados. Ou pelo menos em sítios que tenham muita coisa para partir. É que o objetivo principal de Dangerous Golf não é acertar com a bola num buraquinho distante, mas sim causar o máximo de destruição possível. Pratos, armários, estatuetas, candeeiros... a ideia é acertar em tudo com a nossa bola de golfe e assistir ao caos inebriante que se segue.

 

E nada como um trailer para ilustrar o conceito:

 

 

Dangerous Golf é o primeiro jogo de uma equipa de criadores de jogos independente. Mas não é uma equipa qualquer. A Three Fields Entertainment foi fundada pelos veteranos da Criterion Games, um estúdio de desenvolvimento que ficou conhecido pelos jogos de condução da série Burnout. E para quem conhece os jogos Burnout a ligação é óbvia.

 

Apesar de serem jogos de corridas automóveis, o grosso de Burnout consistia em chocar com os adversários e causar acidentes espetaculares. De tal forma que, nos jogos Burnout, ter um acidente não significava ficar muito para trás dos adversários. Fazia parte da dinâmica da corrida.

 

Dangerous Golf é claramente inspirado no modo Crash dos jogos Burnout. Um modo especial que consistia simplesmente em conduzir em direção a um cruzamento e tentar causar o maior volume de danos possível. Vejam um trailer surreal de Burnout Crash com o incomparável David Hasselhoff:

 

 

O lançamento de Dangerous Golf está previsto para junho. A ideia é simples mas genial. Esperemos que a jogabilidade esteja ao mesmo nível.

publicado às 14:11

Pág. 1/2

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.